VIOLENCIA REVOLUCIONARIA EM HANNAH ARENDT E HERBERT MARCUSE: RAIZES

Mais informações
Autor:
Maria Ribeiro Do Valle (veja mais livros deste autor)
Editora:
UNESP(veja mais livros desta editora)

Por: R$ 52,00 Em 1x de: R$ 52,00

Comprar
Consulte aqui o valor do frete e prazo de entrega do produto
Opção de parcelamento via cartão de crédito
  • 1x de R$ 52,00 (0% de desconto)
Avalie:

A autora busca o mesmo movimento, diálogo ou violência , no plano teórico, suscitado pelos protestos dos anos 60, através das diferentes concepções filosóficas e políticas sobre a tematização da violência por Hannah Arendt e Herbert Marcuse. Enquanto Marcuse aparece nos periódicos estudantis e na fala de intelectuais como teórico e militante desse período, defendendo a violência revolucionária, Arendt posiciona-se contrariamente a essa prática, defendendo o diálogo e a persuasão como as únicas formas de ação política, até mesmo num momento de contestação internacional dos regimes políticos e dos sistemas ideológicos existentes. A partir de suas perspectivas conjunturais, o resultado é uma reflexão que, além de colocar a questão social no centro do problema político, possibilita pensar criticamente o mundo contemporâneo e seus possíveis rumos.

Código de barras:
9788571396135
Dimensões:
21.00cm x 14.00cm x 1.10cm
Edição:
1
Marca:
UNESP
ISBN:
8571396132
ISBN13:
9788571396135
Peso:
350 gramas
Ano de publicação:
2006